jusbrasil.com.br
19 de Outubro de 2019
    Adicione tópicos

    MPF alerta para e-mail fraudulento

    "Phishing" cita procurador da República e servidor da instituição em Tubarão (SC)

    Ministério Público Federal
    há 29 dias

    O Ministério Público Federal (MPF) em Tubarão (SC) identificou um e-mail falso que está sendo distribuído em nome da instituição com finalidade fraudulenta. O MPF em Santa Catarina adverte que não envia e-mails e que sua correspondência legal se restringe aos encaminhamentos judiciais.

    A correspondência falsa, que utiliza o nome verdadeiro de um servidor do MPF, informa sobre o encaminhamento de um inquérito civil por ordem de um procurador da República também real lotado em Tubarão, linkando o número do procedimento. Em seguida o texto do e-mail instrui para que seja clickado um outro link fraudulento caso discorde da decisão.

    Esse tipo de e-mail fraudulento é classificado como "phishing", uma técnica de fraude online utilizada por criminosos no mundo da informática para roubar senhas e informações pessoais.

    Desde que soube da circulação desse e-mail falso o MPF em Santa Catarina está tomando todas medidas para identificar os responsáveis pelo crime.

    Assessoria de Comunicação Social
    Ministério Público Federal em SC
    Atendimento ao público: (48) 2107-6100 e 2107-2410
    Atendimento à imprensa: (48) 2107-2480, 2107-2466 e 2107-2474
    E-mail: prsc-ascom@mpf.mp.br
    www.mpf.mp.br/sc
    Twitter: @MPF_SC

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)